Dói no bolso

Gasolina deve aumentar no RS nos próximos dias

Mudança no valor de referência adotado pelo Estado para cobrança de ICMS impacta no preço ao consumidor

01 de Julho de 2018 - 18h44 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Combustíveis continuam pesando no bolso dos motoristas e gasolina terá novo aumento (Foto: Paulo Rossi - DP)

Combustíveis continuam pesando no bolso dos motoristas e gasolina terá novo aumento (Foto: Paulo Rossi - DP)

Vai ficar ainda mais difícil dar conta de encher o tanque do carro a partir deste domingo (1º). Isso porque começa a valer neste primeiro dia do mês de julho o novo valor de referência usado pelo Estado para calcular o ICMS que incide sobre os combustíveis. Com isso, a gasolina pode aumentar em até R$ 0,11 nas bombas.

A mudança significa que ao invés de calcular o imposto sobre o valor base usado até então - R$ 4,40 -, a Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) terá parâmetro R$ 4,76. Como o Rio Grande do Sul cobra 30% de ICMS sobre o principal combustível dos veículos de passeio, o reflexo deverá ser estes R$ 0,11.

Enquanto haverá aumento na referência da gasolina, para o diesel, etanol e gás natural (GNV) houve uma pequena redução.

A definição publicada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) foi repudiada pelo Sindicato (Sulpetro). A entidade destacou que o elevado aumento de R$ 0,36 na base de cálculo ocorrido no Rio Grande do Sul não se repete no estado vizinho de Santa Catarina, onde o preço base da gasolina é de R$ 4,12 e o ICMS cobrado é menor, de 25%.

Confira como ficam os preços de referência no RS:
Gasolina C – Passa de R$ 4,4065 para R$ 4,7657
Diesel S 10 – Passa de R$ 3,4553 para R$ 3,4365
Diesel S 500 – Passa de R$ 3,3526 para R$ 3,3415
Etanol – Passa de R$ 4,0968 para R$ 4,0540
GNV – Passa de R$ 2,8308 para R$ 2,8295


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados