Sem futebol

No escurinho não rola

Partida entre Guarany e Farroupilha é cancelada por problemas em uma das torres de iluminação do estádio Estrela D'Alva

09 de Maio de 2018 - 20h55 Corrigir A + A -
Breu em um dos lados do campo não permitiu o início do confronto em Bagé (Foto: Marcel Rascado)

Breu em um dos lados do campo não permitiu o início do confronto em Bagé (Foto: Marcel Rascado)

Farroupilha e Guarany chegaram a sair do vestiário e pisar no gramado do Estrela D'Alva na noite desta quarta-feira para mais um compromisso na Terceirona 2018. O problema é que não houve condições de jogo em Bagé. Uma das torres de iluminação do estádio parou de funcionar e deixou boa parte do campo com pouca visibilidade para os atletas.

As torres de luz foram testadas durante o dia, de acordo com a direção do Alvirrubro. No entanto, ao serem ligadas antes da partida, houve um curto-circuito que prejudicou o sistema de iluminação de uma das estruturas. Com a escuridão parcial, o árbitro Solano Oliveira não permitiu o início do confronto.

O trio de arbitragem estipulou um período para que o problema fosse sanado. No fim das contas, não houve resolução e o encontro foi cancelado. "Quem perde com isso é o torcedor. Mas temos que ter bom senso. A iluminação nessas condições prejudicaria o andamento do jogo", disse Antônio Freitas, técnico do Farroupilha.

Pelo regulamento, a partida teria que ser remarcada para a tarde desta quinta-feira. No entanto, a questão será definida pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF), já que as equipes têm novos compromissos marcados para o fim de semana.

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados