Portas abertas

Comércio retoma vendas nas tardes de sábado

Para a maioria dos comerciantes, é a oportunidade de melhorar os negócios em um período de retomada das aulas e de retorno das férias

02 de Março de 2018 - 11h05 Corrigir A + A -

Por: Maria da Graça Marques
graca@diariopopular.com.br 

Expectativa. Com mais tempo, o consumidor pode pesquisar preços e escolher. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Expectativa. Com mais tempo, o consumidor pode pesquisar preços e escolher. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Varejista. Gilmar Bazanella alerta que a mudança ocorrerá neste sábado. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Varejista. Gilmar Bazanella alerta que a mudança ocorrerá neste sábado. (Foto: Carlos Queiroz - DP)

A partir deste sábado (3), o comércio de Pelotas volta a abrir as portas as tardes. Para a maioria dos comerciantes, é a oportunidade de aumentar as vendas em um período de retomada das aulas e de retorno das férias para muitos consumidores. “É uma oportunidade a mais para os clientes”, diz o lojista Alfredo Satte Alam.

Segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sindilojas), Gilmar Bazanella, sábado é dos melhores dias de vendas da semana, principalmente para as compras em família. “É um dia reservado para isso”, diz o líder varejista, que manifesta uma expectativa muito boa em relação ao fluxo de consumidores no comércio à tarde amanhã. “Historicamente, para mim, é um dos melhores dias da semana”, completa Satte Alam, citando o diferencial das vendas à tarde. “Tem sábados que as vendas são melhores e pagam o dia”, avalia a gerente Fernanda Starke. Março é sempre bom, explica Satte Alam, lembrando que é o mês do lançamento de novas coleções para as próximas estações e de muitas novidades nas vitrines, logo após o final das liquidações.

Com este pensamento a professora aposentada Amélia Silveira, moradora no Centro, está pronta para aproveitar a tarde de sábado para fazer algumas compras. “Vou ver primeiro as novidades”, adianta a consumidora, observando as vitrines do Calçadão da rua Andrade Neves. Segundo Bazzanela, com mais tempo de vendas, elas tendem a crescer.

Quem também pode comemorar o fluxo maior de consumidores é a comerciante Rose de Deus, que abre a lancheria à tarde nos sábados apenas quando o comércio funciona também neste horário. “É praticamente igual a um dia qualquer da semana, principalmente em início de mês”, comenta Rose.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados