Tragédia

Chega a dez o número de mortos em creche

Oitava criança vítima do incêndio causado por servidor morreu neste sábado em Minas Gerais

07 de Outubro de 2017 - 19h50 Corrigir A + A -

Agência Brasil

Vigia da creche ateou fogo nas crianças e nele mesmo (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Vigia da creche ateou fogo nas crianças e nele mesmo (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Morreu neste sábado (7), em Belo Horizonte, a menina Talita Vitória Bispo, de quatro anos, a oitava criança vítima da tragédia que ocorreu na creche Centro Municipal de Educação Infantil Gente Inocente, na cidade mineira de Janaúba.

Talita estava com queimaduras nas vias áreas e chegou a ser transferida na manhã de hoje da Santa Casa de Montes Claros para o Hospital João XXIII, na capital mineira, referência em queimaduras no estado. Além de Talita, Matheus Felipe Rocha Santos, cinco anos, foi transferido de Montes Claros para Belo Horizonte em estado grave.

Na manhã da última quinta-feira, o vigia Damião Soares dos Santos, 50, entrou na creche, onde trabalhava, e ateou fogo em crianças e nele mesmo. O vigia também morreu, assim como a professora Heley Abreu Batista, 43, que tentou impedi-lo fisicamente e ajudou no resgate de crianças. Quarenta pessoas ficaram feridas.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados